11 2281-5555

Bem-vindos ao Futuro! Bem-vindos à Madras!

       
%

Controvérsia Freud-Adler, A

Por meio deste livro, o leitor participará como testemunha das discussões da chamada “Sociedade de Quarta-Feira”, observando os esboços originais da Psicoterapia moderna, as tentativas de compreender os doentes mentais em seus ambientes e o desenvolvimento de teorias que explicassem seus comportamentos e experiências subjetivas.
No livro, você encontrará assuntos como:
• O Primeiro encontro entre Alfred Adler e Sigmund Freud;
• A Sociedade Psicológica de Quarta-Feira;
• As Minutas;
• Da Psicologia do Marxismo;
• A Identidade das Neuroses;
• Hermafroditismo Psíquico;
• O Congresso de Nuremberg e suas Conseqüências;
• A Demissão de Adler e de seus Seguidores;
• Diferenças de Personalidade;
ISBN: 9788573748963

Disponível: Em estoque

Preço: R$ 29,90

por R$ 19,90

Calcule o valor do frete deste produto

Telefone:
(11) 2281-5555

Segunda a Sexta
das 08:30 as 18:00.

Parcelamos suas compras
em até 6x sem juros .

Descrição

Detalhes

De todos os conflitos que caracterizaram os primeiros anos do movimento psicanalítico moderno, certamente o mais inflamado foi o amargo fim do relacionamento entre Freud e Adler. Mas, por que rever Freud e Adler? Por que trazer à tona discussões, teorias e emoções de duas pessoas que já morreram há tanto tempo? Freud e Adler são os principais fundadores da Psicanálise moderna. A Viena onde Freud e Adler discutiram sexualidade e agressão com alto nível de educação, criatividade e espírito de pioneirismo é a mesma onde o malsucedido estudante de artes, Adolf Hitler, aprendeu os fundamentos da política anti-semita. A Controvérsia Freud-Adler descreve a ascensão e a queda do relacionamento entre esses dois homens, desde a admiração de Freud por Adler, que o considerou a "mente mais aguçada de seu grupo", até o rompimento entre eles, em 1911, e o estabelecimento de suas diferentes escolas de Psicoterapia. Um estudo atraente e imparcial, no qual a emoção da controvérsia é vivamente trazida à vida - a dor de Freud pelo abandono de Adler aos princípios de suas teorias e a de Adler pelo empenho de Freud em excluí-lo da sociedade - e termina com uma nova visão do significado e da importância desses acontecimentos para a história da Psicanálise.

Informação Adicional

Informação Adicional

Autor(es) Bernhard Handlbauer
Paginas 224
Tamanho 16 x 23

Avaliações

Queremos saber sua opinião

Produto: Controvérsia Freud-Adler, A